sexta-feira, 18 de julho de 2008

Esse post...

...não serve aos propósitos do blog e vai irritar a todos que não estiverem nessa honrosa lista. Mas acho que meus amigos merecem esse afago (já que eu demonstro sentimentos tão bem quanto um sábio solitário das montanhas geladas da sibéria).

Agradeço...

Ao VINÍCIUS, por ser tão alegremente exclamativo.
À ALINE, por ser uma grande lâmpada transcendente.
À DEBORAH, por sua cultura e destreza em terras indígenas.
À GABI, por falar sempre, impreterivelmente, com pompa, mesmo em viagens psicodélicas.
À JÚLIA TROTTA, por ter dançado polka tão bem nos primórdios do cristianismo.
À CAMILÃO, por não entender que alguém só pode tirar o cabelo quando usa peruca.
À YASMIN, por ser leitosa-ariana e apoiar a idéia de que "il camomila è la soluzione".
Ao JOÃO PAULO, por me dar os melhores conselhos assexuais.
Ao VÍTOR, por alimentar ferozes-vira-noite discussões sobre a mirabolante natureza do nada.
Ao THIAGO, por ser o futuro pedreiro chefe da minha obra.
Ao FERNANDO, por sempre me poupar o trabalho de consultar a Wikipédia.
À VIVIAN e ao ANDRÉ, por terem me dado uma casa em Angra.
À JÚLIA CALDAS, por sempre me lembrar que eu não sou a Rainha.
À CAROL IV que, por amor à Madonna, está disposta a vender a dignidade comigo.
À LOLÓ, por ter o mais longo tempo de serviço - amiga há 11 anos.
Ao IGOR, por tentar me mostrar que os Jorges também são atraentes.
Ao MARCIO I, por fazer do Pilotis um heliporto e pousar rodando em cima de pessoas.
Ao MARCIO II, por ser de alguma forma mais ardiloso que o MacGyver.
Ao VICTOR, por ter me aturado minhas alucinações no dia do show do DT.

A ordem dessa lista não importa. É muito evidente que o Vinícius-Querida não é meu favorito, ainda mais nos últimos tempos de bitch-alocka-cachoorro-carente-da-night.

E se você não está aí... Bom, tenha pelo menos a certeza de que eu só lhe dirigo a palavra caso você me agrade. E RENAN, você se recusa a ler o meu blog, então fiz questão de não colocar seu nome. o/